Poesia e Arte Urbana

 

Para quem arrepiou os cabelos literários com tanta burocracia para colocar sua poesia na rua, já pode passar a chapinha da resolução de seus problemas, apresento a você o lambe-lambe, o fanzine e o estêncil, três forma muito baratas de publicar sua poesia.

O “lambe”, como é chamado na intimidade das ruas, é um adesivo ou papel a ser colado com sua arte nas ruas, seja ela um poema, uma tirinha de quadrinhos, uma ilustração. Ele pode ser de diversos tamanhos e formatos. Por ser de fácil envio, muitos artistas trocam lambes pelo correio, fazendo com que sua arte chege à cidades e países  nos quais você nunca esteve, por exemplo.

O fanzine (ou zine) é uma publicação artesanal e autoral, produzida e divulgada por você mesmo. É possível fazer zines com quantas páginas você desejar. Um formato clássico e prático é o feito em uma folha A4, no qual conseguimos um zine de oito páginas medindo  10cm x 15cm cada página. Na internet, principalmente no Youtube tem vários tutoriais criatvos para te inspirar na confecção de seu zine, que pode custar cerca de R$ 0,15 centavos cada um, dependendo do preço da fotocópia, acabamento, tipo de papel e impressão utilizados, entre outos gastos eventuais para sua confecção. O preço de venda do seu zine é você que define, o segredo é ser acessível a quem quiser conhecer a sua arte. Mas se liga,  zineiro não vende zine para zineiro, troca-se zines.

O estêncil é aquela máscara feita geralmente de chapa de raio-x ou papel de alta gramatura que serve como molde para pintura com spray. Com rolinho de tinta também funciona, apesar do maior trabalho. Ao utilizar o spray (ou jet) é importante pintar com pequenos esguichos de fora para dentro, para evitar que escorra para dentro da máscara, borrando sua arte. No caso de letras, escolha uma fonte com boa leitura. Ocupe sua cidade com arte e respeito.

 

Texto de Marina Mara, do livro Profissão Poeta, 2016.

 

Comentários   

0 #2 Alexandre G.Aidar 08-08-2017 13:20
Marina,estou muito feliz em ter descoberto o seu trabalho,aliás,parabens!O mundo precisa de pessoas como assim...idealistas e generosas.A sua poesia me encanta!E seu trabalho também,pois norteia e afaga,de um modo muito especial.Também escrevo com paixão,amor e idealismo puro!Gostaria,quem sabe,de um dia mostrar o meu trabalho.Abraços sinceros,Xande
Citar
0 #1 Super User 01-02-2017 10:43
:-) :-) :-)
Citar

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar