Prêmio Academia de Letras dos Campos Gerais

Informações:
a) Voltado a autoras e autores brasileiros
b) Poemas

Prazo: 31 de março de 2018

Organização:
Academia de Letras dos Campos Gerais
Centro Cultural Faris Michaele
Contato - Mais informações e Dúvidas:
Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

Regulamento:
https://www.facebook.com/camposgeraisacademiadeletras/posts/2231386563755064

Poesia e Arte Urbana

Para quem arrepiou os cabelos literários com tanta burocracia para colocar sua poesia na rua, já pode passar a chapinha da resolução de seus problemas, apresento a você o lambe-lambe, o fanzine e o estêncil, três forma muito baratas de publicar sua poesia.

O “lambe”, como é chamado na intimidade das ruas, é um adesivo ou papel a ser colado com sua arte nas ruas, seja ela um poema, uma tirinha de quadrinhos, uma ilustração. Ele pode ser de diversos tamanhos e formatos. Por ser de fácil envio, muitos artistas trocam lambes pelo correio, fazendo com que sua arte chege à cidades e países  nos quais você nunca esteve, por exemplo.

Participe da antologia LGBT “Orgulho de ser”

Edital – Orgulho De SerDa antologia1) A antologia LGBT+ “Orgulho de ser” será promovida, editada e comercializada pela Rico Editora, inscrita sob o CNPJ 18803358000118 e pela organizadora Thati Machado.1.1) A antologia será composta por 7 contos, escritos por 7 escritores diferentes, sendo um deles a organizadora Thati Machado. 3 escritores serão selecionados por meio de concurso em parceria com a plataforma de autopublicação Sweek e os outros 3 serão convidados pela editora e organizadora.1.2) Todos os aspectos gráficos (como capa, diagramação etc) da publicação cabem exclusivamente à editora e organizadora.1.3) O gênero da antologia é Jovem Adulto.

Financiamento Coletivo de Projetos

O Financiamento coletivo - ou crowdfunding -  consiste na arrecadação de recursos financeiros  para a realização de projetos – geralmente pessoas físicas apoiam essas iniciativas. Usualmente esses projetos são realizados via internet e oferecem aos financiadores recompensas proporcionais ao valor do incentivo concedido. As recompensas são exemplares de livros autografados, a inserção do nome do financiador no produto final – seja ele um disco, um livro, um filme (nos créditos finais), entre outras que sua criatividade e sua sensibilidade indicarão. Afinal, o público é seu, ninguém melhor que você para saber o que os encantaria, se um poema exclusivo, uma serenata ou o convite para a vernissage. Para fazer uma campanha eficaz, que garanta a arrecadação necessária para a  realização do projeto, elabore um bom material de divulgação com um vídeo explicativo muito bem produzido, cativante e que não ultrapasse quatro minutos, de preferência. Elabore o release da proposta, boas imagens ilustrativas, além de divulgar as premiações e brindes criativos. Cative seu público. Venda seu peixe. Ou seria vaquinha?

Poesia Falada

Em meados dos anos setenta, quando a poesia marginal tomou corpo, o termo “declamar poesia” caiu por terra, sendo substituído pelos mais moderninhos por “falar poesia”. Nascia ali a Poesia Falada, que pretende aproximar-se ao máximo da naturalidade da fala, fazendo o poema parecer-se com uma conversa. Falar um poema é interpretá-lo, assim como fazem cantores e atores – nesse caso, o personagem a ser interpretado é o poema

Porém, como a maioria dos poetas não é ator, seguem algumas dicas importantes para melhorar nosso desempenho no palco ao falar poesia.

Poesia e Cultura RAM

Este capítulo é inspirado no livro Cultura RAM, de 2007, do teórico é crítico espanhol José Luis Brea, referência em estética e teoria da arte contemporânea com sensibilidade de enxergar a tecnologia como uma expressão poética, entre outras questões-chave de nosso tempo-espaço. Esta leitura é de suma importância para compreendermos as mudanças socioeconômicas na “era digital” para nos inserirmos nessa cadeia de forma sustentável e produtiva.